Esplanada e região Quase tudo fechado

Prefeito decreta fechamento do comércio exceto farmácias, supermercados e postos de combustíveis

O decreto publicado na manhã dessa segunda-feira (23), entra em vigor no mesmo dia

23/03/2020 12h45 Atualizada há 6 meses
1.518
Por: Redação Enews Fonte: Redação Esplanada News
Imagem de arquivo / Reprodução
Imagem de arquivo / Reprodução

A prefeitura de Esplanada publicou mais um decreto emergencial suspendendo o funcionamento do comércio na cidade. Todas as lojas deverão fechar as portas pelo prazo de 15 dias. Período que pode ser prorrogado por mais 15 dias. Esclarece ainda que somente Supermercados, farmácias e postos de combustíveis poderão continuar operando, cabendo aos estabelecimentos evitar grandes aglomerações. O decreto  de número 023 foi assinado pelo prefeito Francisco da Cruz nesta segunda-feira (23) e entra em vigor no mesmo dia .

"Não se incluem na suspensão os estabelecimentos médicos, hospitalares, unidades de saúde, laboratório de análises clínicas, farmacêuticos, psicológicos, clínicas de fisioterapia e de vacinação;  Distribuidoras e revendedoras de água e gás; Postos de combustíveis, supermercados, padarias e congêneres;" 

O objetivo segundo a gestão, é conter uma provável  disseminação do vírus COVID-19 na população. Casos de Coronavirus envolvendo pessoas que prestaram serviço no municipio já foram confirmados, o último deles, de um médico que atende numa clinica particular em Esplanada e outras cidades da região. 

 "A partir do dia 23 de março de 2020, em regra geral, ficam suspensas, pelo prazo de 15 (quinze) dias, prorrogáveis por igual período, as atividades, de todos os estabelecimentos comerciais e industriais, galerias ou polos comerciais de rua, situados dentro do território do município de Esplanada; "

O decreto publicado pela prefeitura engloba ainda a atuação das fábricas em atividade na cidade, uma delas, a "PEGADA" já havia suspendido as atividades na última semana pelo prazo de 15 dias, dessa vez, com o decreto, A RAFITEC (antiga Propex), deverá cumprir determinações e paralisar as atividades, por fazer parte do ramo industrial.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.