Esplanada e região Descarte de mácaras

Máscaras são vistas jogadas irregularmente nas ruas de Esplanada; como fazer o descarte correto

Nos últimos dias, tem sido comum encontrar máscaras atiradas nas ruas e jogadas de qualquer jeito nos lixos

09/05/2020 13h32 Atualizada há 2 semanas
442
Por: Redação Enews Fonte: Redação Esplanada News
Máscara descartável jogada em rua do município
Máscara descartável jogada em rua do município

A obrigatoriedade do uso de máscaras em locais públicos de Esplanada, prevista no decreto municipal publicado pela prefeitura, é a alternativa mais viável, após o isolamento social, para controlar a disseminação do novo coronavírus (Sars-Cov-2). Após a exigência da utilização do material, a quantidade de produtos descartados de maneira irresponsável tem crescido e ficado cada vez mais evidente nas ruas da cidade. A reportagem do Esplanada News flagrou o descarte irregular do equipamento de proteção individual (EPI), espalhados pelas ruas.

Com o decreto que obriga o uso de máscaras para evitar o contágio por novo coronavírus, o descarte incorreto desse material preocupa. Nos últimos dias, tem sido comum encontrar máscaras atiradas nas ruas e jogadas de qualquer jeito nos lixos, tanto comuns como recicláveis. É uma prática que aumenta o risco de contágio para quem tem contato com elas. Por isso, o descarte correto deve ser praticado, tanto para as máscaras, como para outros materiais. Inclusive para não colocar em risco os profissionais que trabalham na coleta e separação do lixo, serviço considerado essencial no período de isolamento social.

Não se deve jogar as máscaras na rua ou locais públicos, e sim, guardá-las (de preferência em saquinhos plásticos) e as levar para casa. No descarte em casa, os órgãos de meio ambiente e defesa sanitária recomendam que as máscaras sejam colocadas no lixo do banheiro, para que o material siga para o destino de descarte sem que haja manipulação humana. Também é recomendado que as máscaras sejam colocadas em duas sacolas plásticas, uma dentro da outra e amarradas, para que o material não escape. Deve-se, segundo orientação de sanitaristas, estar escrito na sacola qual o tipo de conteúdo que há dentro, para evitar a manipulação.

Outros materiais

Papelão, metal, plástico e outros materiais recicláveis devem ser descartados depois que ficarem armazenados em casa, de dois a três dias, como se esses materiais também estivessem em quarentena. Isso evita que os profissionais que manipulam o lixo possam ser contaminados, durante o recolhimento. De forma nenhuma as máscaras devem ser colocadas junto com o lixo reciclável.

Já as máscaras de pano, que serão lavadas, devem passar por uma higienização com sabão ou podem ser deixadas de molho em uma solução de água com água sanitária. Depois, podem ser colocadas para secar, de preferência no sol.

    Nenhum comentário
    500 caracteres restantes.
    Comentar
    Mostrar mais comentários
    * O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.