23:05
Polícia Violência

Polícia prende suspeito de matar jovem que desapareceu há 7 meses em Serrinha

Delegado diz que corpo não foi encontrado, mas garante que vítima foi 'morta cruelmente, com golpes de madeira'

25/05/2021 20h33
510
Por: Redação Enews Fonte: Correio24horas
Jeorge tinha 20 anos quando foi assassinado (TV Bahia/Reprodução)
Jeorge tinha 20 anos quando foi assassinado (TV Bahia/Reprodução)

A polícia prendeu na manhã desta terça-feira (25), em Serrinha, um homem suspeito de matar e ocultar o corpo de Jeorge Santana Ferreira, de 20 anos, que está desaparecido desde outubro do ano passado, quando saiu para participar de uma carreta política.

De acordo com o titular da delegacia de Serrinha, delegado Michael Alves, o homem é investigado pela prática de homicídio qualificado e ocultação de cadáver. O corpo de Jeorge, no entanto, segue desaparecido.

“Inicialmente, a vítima foi dada como desaparecida. Todavia, após meses de trabalho, os investigadores apontaram que ele teria sido morto cruelmente, com golpes de madeira, e enterrado em uma fazenda na zona rural desta cidade. Foram realizadas buscas nos locais apontados, mas o corpo ainda não foi achado”, relatou.

Ainda segundo o delegado, dívidas de drogas teriam sido a motivação do crime. “O investigado faz parte de uma organização criminosa que espanca e mata quem está em dívida. Com a decretação do mandado de prisão temporária dele, conseguiremos localizar o corpo. Em 30 dias, vamos buscar converter a prisão para preventiva e representar por homicídio qualificado e ocultação de cadáver”, explicou.

A prisão, segundo informações da Secretaria de Segurança Pública, foi realizada por policiais da 15ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Serrinha) e 1ª Delegacia Territorial (DT) de Serrinha. Também atuaram na ação as equipes da Companhia de Emprego Tático Operacional (Ceto) do 16º Batalhão da Polícia Militar (BPM/Serrinha). 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.