23:33
Bahia Violência

Familiares e amigos solta balões em homenagem a médico morto

Como não foi possível sepultá-lo no Acre, o grupo resolveu fazer a homenagem já que o médico era querido pelos participantes do ato

31/05/2021 17h50 Atualizada há 2 semanas
338
Por: Redação Enews Fonte: Bahia Notícias
Imagem: Reprodução
Imagem: Reprodução

O médico Andrade Lopes Santana, de 32 anos, morto por um colega também médico, recebeu homenagens na tarde deste domingo (30) na cidade natal dele, Brasileia, no Acre. Vestidos de branco, cerca de 100 participantes, entre familiares e amigos, soltaram balões e se emocionaram ao relembrar a trajetória da vítima. Ao G1, alguns participantes contaram que Andrade Santana se mudou para a Bahia em 2016 para exercer o sonho de ser médico.

Como não foi possível sepultá-lo no Acre, o grupo resolveu fazer a homenagem já que o médico era querido pelos participantes do ato.  A mãe do médico, Dormitília Lopes, que continua na Bahia disse que a homenagem é um consolo para o coração, que está despedaçado com a perda do filho. Lopes aguarda por mais novidades das investigações, inclusive para saber qual a motivação do crime, que ainda não foi esclarecida.

Andrade Lopes teve o corpo sepultado em Araci, na região sisaleira, onde morava, no sábado (29). Uma multidão acompanhou o cortejo fúnebre. O corpo do médico foi encontrado na sexta-feira (28), amarrado a uma âncora em um trecho do Rio Jacuípe, de São Gonçalo dos Campos. Ele estava desaparecido desde a segunda-feira (24) quando tinha saído de Araci em direção a Feira de Santana.

O acusado pelo crime, o médico Geraldo Freitas, foi preso. O homem é também médico e mantinha amizade com a vítima há pelo menos cinco anos. O acusado segue preso à disposição da Justiça.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.