03:34
Bahia Aulas presenciais

Rui Costa diz que vai observar dados da Covid-19 por mais uma semana para decidir volta das aulas presenciais

Durante o Papo Correria, encontro virtual em que o Rui responde perguntas em transmissão online, governador explicou que vai garantir distância mínima entre alunos e só vai permitir presença de metade da turma nas salas.

06/07/2021 19h54
293
Por: Redação Enews Fonte: G1-BA
Imagem: Reprodução
Imagem: Reprodução

O governador da Bahia, Rui Costa, disse na noite desta terça-feira (6), que vai observar os dados da Covid-19 no estado, por mais uma semana para decidir quando vai retomar as aulas presenciais na rede pública de ensino.

 “Vamos observar por mais uns dias, mais um final de semana. Eu estou tomando uma medida de prudência. Eu disse que iria aguardar por 10 15 dias. Por enquanto, o efeito que está demonstrando é de estabilidade, mas vamos observar até o próximo final de semana", disse o governador.

Durante o Papo Correria, encontro virtual em que o Rui Costa responde a perguntas em uma transmissão online, o gestor mostrou dados da pandemia na na Bahia, que apresentam queda nos números de novos casos e de internação.

"Se as taxas continuarem caindo é sinal que o impacto não foi suficiente para causar aumento. Temos que ter clareza que muitos jovens e adolescentes estão vulneráveis por mais de um ano sem aulas. É urgente. Precisamos fazer uma força tarefa para supera esse atraso”.

Rui Costa explicou que o governo vai garantir uma distância mínima entre os alunos e só vai permitir a presença de metade da turma nas salas de aulas.

"O rodízio elaborado pelo Estado prevê três dias de aulas presenciais para cada grupo, atendendo a um esquema de rodízio", contou.

No dia 14 de junho, Rui Costa disse que pretende retomar as aulas presenciais na rede pública de ensino quando a taxa de ocupação dos leitos de UTI ficar abaixo de 80%na Bahia.

O ano letivo 2020/2021 na rede estadual de ensino foi iniciado em março, de forma 100% remota. A volta do ensino presencial não tem data prevista e depende do cenário da pandemia na Bahia.

O planejamento da Secretaria da Educação do Estado prevê a realização dos dois anos letivos, de 2020 e 2021, até o dia 29 de dezembro, com 1.500 horas aula. Serão três fases de atividades escolares. Após a etapa 100% remota, será a vez da fase híbrida, com três dias da semana de aulas remotas e outros três de aulas presenciais e, por fim, a retomada das aulas 100% presenciais.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.