Polícia Polícia

Operação Tolerância Zero cumpre mandado de busca na Lemos Brito

Operação foi comandada pela SSP e Seap

23/07/2020 12h25
344
Por: Redação Enews Fonte: Bocão news
IMAGEM: REPRODUÇÃO
IMAGEM: REPRODUÇÃO

A operação integrada "Tolerância Zero" das secretarias da Segurança Pública (SSP) e de Administração Prisional e Ressocialização (Seap) apreendeu celulares, facões, dinheiro e porções de maconha, na Penitenciária Lemos Brito, em Salvador, na noite de quarta-feira (22). Materiais ilícitos estavam em celas usadas por um detento, apontado como líder de uma facção.

Um mandado de busca e apreensão, solicitado pela 19a Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Senhor do Bonfim) foi cumprido contra o criminoso, envolvido com tráfico de drogas e homicídios, nas cidades de Senhor do Bonfim e Campo Formoso. A ação no sistema prisional foi coordenada pelo Grupo de Segurança Institucional (GSI/SEAP).

Dentro das celas, no pavilhão V, equipes do Depin (Cati), da 19a Coorpin, do Batalhão de Guardas e do GSI (Coordenação de Inteligência Prisional) da Seap encontraram oito celulares, um deles foi jogado dentro da caixa de água da descarga do vaso sanitário, facões embaixo de colchões, R$ 1,1 mil reais dentro de uma Bíblia, porções de maconha e cadernos com anotações da venda de entorpecentes.


Campo Formoso

Pela manhã,  na cidade de Campo Formoso, uma submetralhadora, uma pistola, um revólver e drogas foram apreendidos em um local usado pela quadrilha chefiada pelo detento. Dois criminosos, que estavam no local, entraram em confronto com equipes da 19a Coorpin e acabaram não resistindo.

"Sabemos que o custodiado continuava ordenando o tráfico e execuções de rivais, na região Norte do Estado. Agradecemos a parceria com a Seap, na retirada dos celulares", destacou o diretor do Departamento de Polícia do Interior (Depin), delegado Flávio Góis.

O policial civil acrescentou que os aparelhos passarão por perícia e que poderão servir como provas de novos crimes cometidos pelo detento.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.