Bahia Violência

Feminicídio: mulher é agredida até a morte por companheiro em São Gonçalo do Retiro

Homem foi preso no Hospital Roberto Santos e levado para o DHPP

04/10/2020 18h59
288
Por: Redação Enews Fonte: Correio24horas
IMAGEM: REPRODUÇÃO
IMAGEM: REPRODUÇÃO

Uma mulher identificada como Rosilene Souza Barbosa, 40 anos, foi agredida até a morte pelo companheiro, na madrugada deste domingo, no bairro de São Gonçalo do Retiro. O crime ocorreu por volta das 0h40, na Travessa 8 de Dezembro. A polícia foi acionada e chegando ao local encontrou a vítima sendo atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas ela não resistiu. O suspeito foi localizado no Hospital Geral Roberto Santos (HGRS) e conduzido para o Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP).

 

Em nota, a Polícia Militar (PM) informou que policiais da 23ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Doron) foram acionados pelo Centro de Comunicação Integrada (Cicom), órgão da Secretaria de Segurança Pública (SSP) para atender a uma denúncia de agressão a uma mulher na Travessa 8 de Dezembro. "No local, a guarnição encontrou agentes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) socorrendo a vítima, que foi agredida pelo companheiro, porém não resistiu aos ferimentos". 

Ainda segundo a PM, a área foi isolada e o Serviço de Investigação em Local de Crime (Silc) acionado para realizar perícia e remoção do corpo. "Os militares deslocaram até o Hospital Geral Roberto Santos (HGRS), onde localizaram e conduziram o suspeito para o Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP)".

Segundo a Polícia Civil, o Samu foi acionado, mas a vítima morreu no local. O autor do crime tinha um relacionamento com a vítima há cinco anos e tentou suicídio após o suposto feminicídio. Ele foi socorrido por um vizinho para o Hospital Roberto Santos. Após alta médica, foi conduzido ao DHPP e autuado em flagrante por feminicídio.

 

 Também na madrugada deste domingo (4) outra mulher foi encontrada morta, por volta de 1h30, na rua Acalanto, 526, no bairro de São Cristóvão. Em nota, a PM informou que policiais militares da 49ª CIPM (São Cristóvão) foram acionados pelo Cicom com denúncia de que havia um corpo do sexo feminino. "No local, a guarnição constatou a veracidade do fato, isolou o local e acionou o Silc, para realizar perícia e remoção. A autoria e motivação são desconhecidas", informa  a nota. O crime será investigado pelo Polícia Civil.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.